Município de Bela Cruz realiza a apresentação do Plano Municipal de Ação da Cajucultura e uma Roda de Crédito aos cajulcultores

0
22

O Município de Bela Cruz, através da Secretaria de Agronegócios, realizou nessa quarta feira (03/10) a apresentação do Plano Municipal de Ação da Cajucultura e uma Roda de Crédito aos cajucultores, com a Caixa Econômica Federal, Banco do Nordeste e Banco do Brasil.

O evento aconteceu no Centro de Convenções e contou com a participação do Prefeito em exercício João Osmar Araújo Filho, do Senhor José Patriarca Neto representando o Banco do Brasil, do Senhor Silvio Fernandes representando o BNB e de vários agricultores e cajucultores. As instituições bancárias apresentaram as linhas de crédito disponíveis nesses bancos e destinadas aos agricultores familiares, bem como o FNE Rural para os demais produtores que não são pronafianos.

Na oportunidade, o Prefeito Municipal reconheceu em seu discurso a área rural como potencial para o desenvolvimento do Município e a importância do Plano para a geração de emprego e renda.

O Município de Bela Cruz tem um plantel de mais de 30 mil hectares de cajueiro, sendo 9.364 hectares de Anão-precoce e 21.103 hectares de Cajueiro gigante, colhendo uma Safra anual estimada em 13.940.850 kg (treze milhões, nove centos e quarenta mil e oitocentos e cinquenta quilos) de castanha.

A elaboração do Plano Municipal de Ação de Cajucultura aconteceu em parceria com a assessoria do SEBRAE, contribuição dos produtores, sindicatos, cooperativa, associações, EMATERCE, bancos, SEBRAE e Secretaria de Agronegócios e visa suprir a necessidade do fortalecimento da nossa cajucultura como fator de desenvolvimento econômico e social para Bela Cruz.

O plano prevê a organização  dos produtores, inovação tecnológica, assistência técnica para melhorar a produtividade, agregar valor à produção, implantação de agroindústrias  e comercialização em escala, gerando trabalho e renda para as famílias belacruzenses.